está a ler...
Justiça, Segurança

GNR e PJ – ações de investigações criminal

Tanto a Guarda Nacional Republicana (GNR), como a Polícia Judiciária (PJ), realizaram diversas ações no domínio da investigação criminal, sendo de salientar as seguintes:

GNR
PJ

Através da Diretoria do Sul, deteve um indivíduo suspeito de ter intencionalmente provocado onze incêndios florestais em São Brás de Alportel, Faro.

Através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo, localizou, identificou e deteve um homem, de 54 anos de idade, por fortes indícios da prática de crime de incêndio.

Através do Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada, identificou e deteve dois homens, fortemente indiciados pela presumível prática do crime de incêndio.

Através da Unidade Local de Investigação Criminal de Évora, procedeu à detenção de um homem pela presumível prática de múltiplos crimes de falsificação de documentos, ocorridos entre os anos de 2016 a 2019.

Finalmente, a PJ, através da Diretoria do Norte, em colaboração com a Inspeção Tributária da Direção de Finanças do Porto, no âmbito de inquérito titulado pelo Ministério Público – DIAP Porto 12.ª Secção, realizou uma operação policial para cumprimento de mandados de buscas domiciliárias e não domiciliárias, pela presumível prática de crimes de fraude fiscal qualificada e branqueamento.

J.M.Ferreira

Discussão

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

WOOK

%d bloggers like this: